Arquivos do Blog

[CDZ] Aiacos de Garuda


  • ORIGEM DO NOME – AIACOS

O nome Aiacos é baseado em Eaco, que na mitologia grega é, juntamente com Minos e Radamanthys, um dos juízes do mundo dos mortos, assim como na série.

  • PERFIL DO PERSONAGEM

Idade: 22 anos
Altura: 1,86 m
Peso: 85 kg
Data de Nascimento: 6 de julho
Tipo Sangüíneo: B
Local de Nascimento: Napal
Local de Treinamento: Indisponível
Instrutor: Indisponível
Golpes Secretos: Vôo de Garuda (Garuda Flap), Ilusão Galáctica (Galactica Illusion)

  • ESTRELA MALÉFICA

Estrela Celeste do Heroísmo – Tenyusei

  • HISTÓRICO

Aiacos é um espectro, presente na Fase Inferno da Saga de Hades. Juntamente com Minos de Grifo e Radamanthys de Wyvern, é um dos três juízes do mundo dos mortos.

Sua primeira aparição ocorre quando Orfeu de Lira vai à Giudecca tocar para Hades. Convocados por Pandora, os três juízes também aparecem no local. O cavaleiro de Lira então usa seu Serenata da Viagem da Morte, fazendo com que Pandora, Minos e Aiacos caiam em sono profundo. Radamanthys não desejava ouvir Orfeu e por isso foi capaz de ficar consciente e enfrentou-o. Seiya de Pégaso e Shun de Andrômeda, que estavam escondidos em um baú, aparecem para ajudar Orfeu.

Após a morte de Orfeu e a revelação de que Shun era a reencarnação de Hades, Seiya foi enviado para o Cocytos por Radamanthys. Os que estavam sobre o efeito da lira de Orfeu saíram de seu transe.

Mais tarde, quando Radamanthys confronta Kanon de Gêmeos na 5ª Prisão, Aiacos e Minos reaparecem. Ao ver que Radamanthys estava perdendo por causa de seus ferimentos na luta contra Seiya de Pégaso, Aiacos interfere, mas é detido pelo espectro de Wyvern, que deseja acabar sozinho com Kanon. Mesmo com a insistência de Radamanthys, Minos também ataca Kanon, paralisando o cavaleiro de Gêmeos.

Surge então Ikki de Fênix, que consegue libertar Kanon da Marionete Cósmica de Minos. Ikki descobre sobre os últimos acontecimentos e decide derrotar os inimigos o mais rápido possível para alcançar seu irmão. Aiacos se apresenta como sendo seu adversário. Inicialmente, Aiacos domina Ikki, desviando dos golpes do cavaleiro e atacando-o simultaneamente. Aiacos tenta matar Ikki utilizando seu Vôo de Garuda, mas o cavaleiro de Fênix sobrevive. Na segunda vez, Ikki contra-ataca e ambos utilizam seus principais golpes. No fim, o Cavaleiro de Fênix consegue igualar-se à Aiacos, e aplicando o Golpe Fantasma de Fênix deixa o juiz sem opções, sendo derrotado por Ikki.

  • LOST CANVAS (Mangá)

Depois de deixar de ser o Cavaleiro de Prata de Athena, Suikyo de Taça, e se aceitar completamente como um dos espectros mais importantes de Alone, um dos três juizes do Mundo dos Mortos, com isso, ele se junta a Pandora e vai ao castelo de Hades para a união dos espectros que símboliza o despertar do deus dos Mortos. Mais tarde, ele surge na catedral de Hades a pedido do mesmo. O Imperador do Submundo ordena que Aiacos escolha seus soldados e inicie um ataque aos Cavaleiros de Atena que tentarem chegar ao The Lost Canvas.

Assim, ele parte com o seu exército de espectros e seu Navio após saber da localização do exército de Atena em Jamir e segue na missão de destruir a todos. Aiacos com o golpe Garūda Furappu (Vôo da Garuda – Garuda Flap), mas sem o poder destrutivo, manda Violate de Behemot como soldado Avançado, seu braço direito e fiel apoio. Violate tem como missão manter Regulus de Leão ocupado enquanto o exército de Garuda toma o local. Enquanto Violate luta com Regulus longe do Barco de Atena, Stand de Besouro Mortal e o exército de Aiacos desce com apenas Cavaleiros de Bronze para defender o Barco da Esperança. O navio do Juiz do Mundo do Mortos aterrissa indo em direção ao Barco defendido com vida por Junkers de Lupus (Lobo) que se coloca como barreira viva. Seu esforço é reconhecido por Sísifo de Sagitário que assume a luta conrta Aiacos, deixando os preparativos do Barco de Atena por conta de Tenma, Junkers, Yato, Douglas de Ursa Minor (Ursa Menor), Bleriot de Leo Minor (Leão Menor) e por Curtiss de Hydra (Hidra Fêmea). O barco de Atena alça vôo e Aiacos usa seu Surēndorajito (Surendrajit – Conqueror of Indra) para atingir o exército da deusa no barco, mas as flechas de luz de Sísifo defendem a todos.

Aiacos incinera a todos os seus subordinados a fim de obter energia para vencer o duelo nos céus, mas com sua nova técnica, o Keironzu Raito Inparusu (Impulso Luminoso de Quiron), ele salva a todos. Garuda ataca Sísifo com a sequência Gyarakutika Desu Buringu (Galactica Death Bring) e Garūda Furappu (Vôo da Garuda – Garuda Flap) mas Sísifo resiste. Sísifo se priva da visão e atinge o oitavo sentido, derrotando o Juiz do Mundo dos Mortos com um ataque fatal certeiro no peito o lançando longe e aparentemente o matando. Porém, Aiacos sobrevive e derrotado tem como executora Violate, moribunda e sob o controle de Hades. Violate se recusa a fazê-lo e quando Hades parte para fazê-lo ele próprio Tenma interrompe e salva Garuda.

Então, Aiacos, sem subordinados e derrotado aguarda por alguém. Kagaho de Bennu chega e incinera a Sapuris de Garuda dizendo que ele não passa de um mero humano sendo devolvido o seu “nome humano”. O ex-juiz do Mundo dos Mortos morre e a pessoa volta a ser Suikyo (水镜, espelho de água?), o humano de antes. Um personagem que aparece também em Saint Seiya Next Dimension de Kurumada, na continuidade das quais, é definida como uma ex-característica do Cacaleiro de Prata e mestre de Tenma.

  • SAPURIS 

Garuda está presente na mitologia hindu. Possui bico e asas de águia e corpo humano e tido como o rei das aves. É um pássaro que arde como brasas de fogo, semelhante à Fênix. Ele era o filho do grande sábio Kasyapa e inimigo de Vinata. Inimigo das serpentes, curava aqueles que eram atacados por elas. Quando Kadru seqüestrou a mãe de Garuda, ele exigiu como resgate a Água da Vida. Indra era o guardião da água e Garuda teve que o derrotar para conseguí-la, e depois de entregar a água sua mãe foi libertada. Frequentemente, a Garuda é representada carregando o deus Vishnu e sua esposa Lakshmi. No Tibete as Garudas são associadas algumas vezes ao rei do inferno.

  • GOLPES

Vôo de Garuda (Garuda Flap): Em um impulso antigravicional, este golpe consiste em lançar o adversário em uma velocidade absurda aos céus, invertendo momentaneamente a gravidade sobre o adversário, e enquanto ele esta confuso e indefeso devido a grande pressão, ele é lançado a uma distância considerável, e logo em seguida volta com a mesma velocidade tragado pela gravidade ao chão, causando um grande impacto em direção ao solo.

Ilusão Galática (Gallatica Illusion): O inimigo é jogado em uma dimensão à parte, por meio de uma espécie de cápsula. Ao entrar em contato com esse ambiente, o corpo do oponente começa a ser destroçado e corroído, por completo. As chances de sair vivo deste ataque são quase nulas, apesar de ser uma ilusão com conseqüências bastante reais. Ela trabalha diretamente na área e na mente do adversário com ilusões, de que o mesmo está sendo tragado por uma outra dimensão, atuando nesse ponto diretamente na mente do adversario, enquanto o corpo é destroçado e sofre uma terrivel corrosão; o que a mente aceita como realidade, o corpo faz se tornar real.

Resplendor da Morte Galáctica (Galactica Death Bling): Técnica utilizada no mangá The Lost Canvas. Uma técnica que se baseia na imobilização e queima do sistema central nervoso do adversário por dentro, canalizando seu cosmo intenso através dos olhos do capacete-máscara, elmo, da Surplice de Garuda. É considerado o golpe mais eficaz, cruel e devastador de Aiacos já que faz com que o seu oponente sofra até a morte.

Conquistador de Indra (Surrender Jet): Técnica usada em Saint Seiya: The Lost Canvas. Aiacos concentra seu cosmo no canhão de seu navio disparando chamas poderosas que também podem ser dispersadas em uma chuva de chamas sobre o inimigo.

[CDZ] Perfil dos Juízes do Inferno


Juízes do Inferno | Espectros das Estrelas Celeste | Espectros das Estrelas Terrestre |Espectros Desconhecidos Outros Personagens

Juízes do InfernoEspectros das Estrelas CelesteEspectros das Estrelas Terrestre |Espectros Desconhecidos Outros Personagens