Arquivo da categoria: Guia de Episódios

[CDZ] Guia de Episódios da Saga de Asgard



  • 01 – Inimigos do extremo Norte! Os lendários Guerreiros Deuses

Em Asgard, Hilda de Polaris reza para Odin. Uma entidade misteriosa domina a mente da Senhora das terras geladas com o anel Nibelungo. Hilda convoca seus sete Guerreiros Deuses. Shido de Mizar é enviado para matar Atena, porém antes o Guerreiro de Asgard passa pelo Santuário e arrasa com Aldebaran de Touro. Saori estava sendo atacada. Shun e Seiya, usando suas novas Armaduras de Bronze, chegam para defender a Deusa. Os dois enfrentam Shido, que é obrigado a recuar com as chegadas de Ikki, Shiryu e Hyoga. Saori resolve ir até Asgard!

  • 02 – Hilda, A Deusa Enfeitiçada pelo Diabo

Hyoga chega a Asgard onde Freya, irmã de Hilda, conta que a representante de Odin na Terra mudou repentinamente. Saori, Seiya, Shun e Kiki também chegam. Freya conta que sem a proteção do cosmo de Hilda, todo o gelo de Asgard derreterá. Os Cavaleiros encontram Hilda e seus Guerreiros Deuses. Atena percebe que a Senhora de Asgard está usando o Anel Nibelungo. A única maneira de fazer Hilda voltar ao normal é retirando a jóia amaldiçoada. Saori usa seu cosmo para conter o degelo polar. Os Cavaleiros terão de enfrentar os Guerreiros Deuses!

  • 03 – O Cosmo de Thor está Cheio de Ódio

No caminho para o Palácio Valhalla, Seiya, Hyoga e Shun encontram o primeiro Guerreiro Deus: Thor de Phecda. O protegido da Estrela Gama ataca com seu Martelo Mjollnir e seu Hércules Titânico. O gigantesco Guerreiro de Phecda leva vantagem contra os cavaleiros de bronze, mas Seiya não desiste.

  • 04 – Thor Morre por Hilda

O Pégaso eleva ao máximo seu cosmo e consegue desviar do Hércules Titânico do Guerreiro de Hilda, para vencê-lo em seguida com um golpe Meteoro de Pégaso certeiro. Shiryu, que também chegou em Asgard, explica aos companheiros que as sete Safiras de Odin quando unidas despertarão a Espada Balmung, a única arma capaz de quebrar o Anel Nibelungo.

  • 05 – Fenrir! O Lobo do Norte Mostra seus Caninos

Os Cavaleiros se separam e combinam encontrar-se no Palácio Valhalla. Shiryu recorda que quando enfrentou Shura, o Cavaleiro de Ouro, para poupar a vida do Dragão, lhe transferiu a Armadura de Capricórnio. Desta forma, Shiryu não morreu com seu Último Dragão. Junto das cachoeiras congeladas de Asgard, o pupilo do Mestre Ancião encontra Fenrir e uma alcatéia de lobos. As Garras do Lobo Assassino deixam o Defensor de Atena parcialmente cego.

  • 06 – Pobres Lobos do Norte

Fenrir conta que anos atrás viu seus pais serem mortos por um urso. Abandonado por todos, foi salvo pelos lobos e assim cresceu com eles. Com o tempo, se tornou um exímio caçador e acabou escolhido por Hilda para ser o Guerreiro Deus de Alioth mas o protegido pela Estrela Epsílon não contava com a força do Dragão Shiryu.

  • 07 – Lamentos de Gelo

O Cólera do Dragão colide com as Garras do Lobo Imortal. Shiryu dispara mais um Cólera do Dragão que desta vez destrói a cachoeira congelada que acaba soterrando Fenrir. Hyoga encontra Hagen de Merak. O novo adversário impressiona o Cisne com seu ar congelante, tão forte quanto o Pó de Diamante.

  • 08 – A Batalha Mortal de Freya

A batalha entre Hyoga e Hagen se desloca para dentro das cavernas subterrâneas de Asgard. O Guerreiro Deus também controla o calor. O protegido da Estrela Beta não lutava só por Hilda, ele estava enciumado porque sabia da amizade entre o Cisne e Freya, a quem amava. Kiki sente o combate e avisa a irmã de Hilda, que ruma para as cavernas.

  • 09 – Cisne Ergue-se do Inferno Ardente!

Devido ao calor, Hyoga não está conseguindo evitar os golpes de Hagen com seu ar gelado. Freya chega na caverna e tenta convencer o Guerreiro Deus de desistir da briga. Mas Hagen prefere lutar e até chega a golpear sua amada. Hyoga se vê obrigado a detonar o Raio de Fogo de Hagen com um poderoso Trovão Aurora. Os Defensores agora têm três Safiras de Odin.

  • 10 – Harpa Misteriosa! O Prelúdio que atrai Shun Para a Morte

Freya é levada para uma cabana por Kiki para se recuperar. No caminho para o palácio, Seiya lembra que as Armaduras de Bronze foram revividas com o sangue dos Cavaleiros de Ouro e remodeladas por Mu. Shun é atraído por uma bela e triste melodia tocada por Mime de Benetnasch. Andrômeda tenta evitar a briga mas o Guerreiro Deus mostra como seu cosmo de Eta é poderoso.

  • 11 – Condenado a Morte. Réquiem de Cordas

Por causa do gélido cosmo de Mime, Shun percebe que sua Armadura e suas Correntes eram inúteis e as retira. Nem a Tempestade Nebulosa foi capaz de vencer o Guerreiro Deus que contra-ataca com seu Réquiem de Cordas. Shun começa a ser estrangulado pelas cordas da harpa de Mime, mas Ikki interfere e salva o irmão.

  • 12 – Um Guerreiro Triste e Corajoso

Agora a briga é entre o Fênix e o Guerreiro de Eta. Ikki descobre porque o cosmo de Mime era tão frio. O Guardião de Hilda, ainda garoto, havia matado Folken, seu pai adotivo, depois de descobrir que este matara seus pais verdadeiros. Usando o Golpe Fantasma em Mime, Ikki faz o Guerreiro de Asgard lembrar de como Folken o amava e o remorso que sentia por tê-lo matado.

  • 13 – Fênix e Suas Asas Ardentes

Mime quase vence Ikki com seu Réquiem de Cordas, mas o Defensor de Atena revida com o Ave Fênix. O Guerreiro Deus retira sua Armadura e encara o irmão de Shun. Os dois se golpeiam, Mime cai morto. Ikki ordena que Andrômeda siga em frente e logo depois desmaia.

  • 14 – A Couraça Ametista

Chega a vez de Alberich de Megrez entrar na briga. Marin é a primeira a enfrentá-lo e acaba presa dentro da Couraça Ametista. Seiya os encontra e se desespera ao ver sua Mestra morrendo.

  • 15 – A Espada de Fogo! A Ambição Maligna

Seiya não pode matar Alberich, caso contrário Marin nunca será libertada do esquife de ametista. O Pégaso também é pego pela Couraça de Ametista. Hyoga chega no local e vê seus amigos aprisionados.

  • 16 – O Sacrifício Para o Mal! A Floresta dos Espíritos

Hyoga ia ser aprisionado na Couraça Ametista quando Shiryu salva o amigo com o Escudo do Dragão. Alberich conta que seu décimo terceiro antecessor foi vencido por Dohko, o Mestre Ancião, vários anos atrás.

  • 17 – Não Olhe Para Trás Seiya!

Alberich usa a Unidade da Natureza contra Shiryu. Guiado telepaticamente pelo Mestre Ancião, o Dragão consegue neutralizar seu cosmo e se transforma num elemento da natureza. O golpe do Guerreiro de Megrez se torna inútil. Shiryu nota que Alberich queria para si as Safiras de Odin e ter em suas mãos a Espada Balmung, e assim dominar Asgard. Para concentrar mais seu cosmo, o Dragão tira sua Armadura e dispara seu Golpe por dentro da Couraça Ametista. Alberich é vencido. Seiya e Marin são libertados e Hyoga desperta.

  • 18 – O Segredo de Shido de Mizar

Shun é o primeiro a entrar no Palácio Valhalla, onde Shido o aguarda. Hyoga e Seiya também chegam ao local. Andrômeda luta contra o Guerreiro Deus para seus amigos encontrarem Hilda. Shina chega em Asgard e encontra Marin. A Amazona de Águia revela que Shido possui uma sombra protetora: Bado, o irmão gêmeo do Guerreiro Deus. Shina corre para avisar os Cavaleiros do segredo.

  • 19 – Shun Tenta um Último Golpe!

Shun quase morre. Andrômeda retira sua Armadura para poder lançar sua Tempestade Nebulosa contra Shido, que é vencido graças a Shina. A Amazona chegou em cima da hora para evitar que Andrômeda fosse atingido pelo Golpe de Bado. A sombra de Mizar se mostra. Shina tenta eliminar o Guerreiro de Arkor mas nada consegue.

  • 20 – Bado e Shido, os Gêmeos do Destino

Ikki enfrenta as Garras do Tigre das Sombras. Bado conta que fora abandonado por seus pais, pois em Asgard acreditava-se que ter gêmeos era sinal de maldição. Assim, Shido cresceu junto de seus pais, enquanto Bado cresceu com um aldeão nas gélidas florestas. Já adulto, Bado recebeu a Armadura do Deus Arkor, mas não foi nomeado Guerreiro de Zeta por Hilda. O titulo ficou com Shido de Mizar. Bado só assumiria a condição de Guerreiro Deus se seu irmão morresse.

  • 21 – Laços Entre Irmãos

Ikki e Shun enfrentam Bado e Shido. O Guerreiro de Mizar segura o Fênix para que seu irmão liquide com o adversário mas Bado sabia que para matar Ikki mataria Shido e não ataca. O Guerreiro de Mizar não resiste aos ferimentos já sofridos e sai carregado pelo irmão, que após ter recebido o Ave Fênix também não resiste. A estrela gêmea de Zeta se apaga.

  • 22 – O Herói da Lenda Reviveu!

Resta apenas Siegfried. Seiya é o primeiro a enfrentá-lo. Shun, Ikki e Hyoga também encontram o último Guerreiro Deus. Uma fantástica batalha entre o Fênix e o Guerreiro Deus tem início. Mas Siegfried consegue se sobrepor a Ikki. O mesmo acontece com Andrômeda e Cisne. Seiya volta para a luta. O Guerreiro Deus dispara seu Vendaval do Dragão que acerta o Pégaso e Shina, que tentava defender seu amado.

  • 23 – Dragões em Luta

Shiryu chega até o Palácio. O Cavaleiro de Bronze sabia da lenda sobre Siegfried, o qual após ter sido banhado pelo sangue de um dragão mitológico ficou invulnerável. Por isso, Shiryu estava determinado a usar o Último Dragão porém, o Guerreiro de Alfa impede a investida e ainda acerta o Vendaval do Dragão em Shiryu. Com ajuda do Mestre Ancião, o Dragão descobre o ponto fraco de Siegfried. Exatamente quando o Guerreiro dispara seu golpe, ele deixa seu coração à mostra. Era o único ponto em que o lendário Guerreiro não foi banhado por sangue!

  • 24 – Um Bruxo do Mar! A Canção da Morte

Conhecendo o ponto fraco de Siegfried, Seiya volta a enfrentá-lo. Mas foi preciso a união dos cosmos dos cinco Defensores de Atena para derrubar o Guerreiro Deus. Surge Sorento de Sirene, um dos Generais de Poseidon e revela que foi o Deus Marinho quem colocou o Anel Nibelungo em Hilda para ela livrar a Terra dos Cavaleiros de Atena. Siegfried se enfurece, entrega sua Safira para Seiya e se sacrifica para matar Sorento.

  • 25 – A Milagrosa Aparição da Armadura de Odin

Unindo as sete Safiras, surge a Armadura de Odin. Seiya de Pégaso a veste e empunhando a espada Balmung parte para arrancar o Anel Nibelungo de Hilda de Polaris.

  • 26 – Atena! Minha Oração por Você

Guiado por Odin, Seiya quebra o Anel Nibelungo de Hilda. A Senhora de Asgard volta ao normal. Em seguida, a Armadura de Odin deixa o Pégaso. Hilda eleva seu cosmo e devolve a harmonia em Asgard. Faltava resgatar Atena porém, a Deusa é levada para o fundo do mar, para o Reino de Poseidon.